top of page
  • Foto do escritorana neto

O poder de agradecer

Martin Seligman, um renomado psicólogo e um dos principais nomes no campo da psicologia positiva, tem explorado extensivamente o tema da gratidão e as suas práticas.


Criança a fazer um coração com as mãos
O poder da gratidão

Seligman enfatiza a importância da gratidão como um componente fundamental do bem-estar psicológico e propõe o exercício conhecido como "Three Blessing Things" (Três Coisas Boas) como prática diária de gratidão. Este exercício consiste em escrever diariamente três coisas positivas que aconteceram ao longo do dia e identificar o motivo pelo qual essas coisas foram gratificantes. O exercício tem como objetivo desenvolver a capacidade de focar nas coisas boas e cultivar a gratidão.


Seligman argumenta que a prática regular da gratidão pode aumentar a felicidade, reduzir sentimentos negativos, melhorar a saúde emocional e fortalecer os relacionamentos. Também destaca que a gratidão é uma força pessoal que pode ser desenvolvida e aprimorada ao longo do tempo.


Além disso, Seligman discute a importância de expressar gratidão aos outros. Ele sugere que essa atitude, quando desenvolvida de forma sincera, pode melhorar os relacionamentos, aumentar a sensação de conexão social e promover o bem-estar de ambas as partes.


As práticas de gratidão podem trazer diversos benefícios para as nossas crianças e deixamos aqui alguns deles.


Bem-estar emocional

A gratidão ajuda as crianças a desenvolverem uma mentalidade positiva e a apreciarem as coisas boas que surgem nas suas vidas. Elas aprendem a focar-se em aspectos positivos e a reconhecer e valorizar coisas simples. Isso contribui para um maior bem-estar emocional e uma atitude mais optimista.


Desenvolve resiliência

Ao praticar a gratidão, as crianças aprendem a lidar melhor com os desafios e as adversidades, buscando aspectos positivos mesmo em situações difíceis. Isso fortalece a capacidade de lidar com as dificuldades da vida e ajuda a encontrar soluções para os problemas que vão surgindo no caminho.


Relacionamentos saudáveis

A gratidão promove a empatia e o reconhecimento dos outros, incentivando as crianças a expressarem a sua apreciação pelos que as ajudam e apoiam. Essa prática fortalece os relacionamentos e estimula a reciprocidade, uma vez que as crianças aprendem a reconhecer o valor das pessoas ao seu redor.


Melhora a auto-estima

Ao reconhecer e valorizar as coisas boas das suas vidas, as crianças desenvolvem uma perspectiva positiva sobre si mesmas. Isso ajuda a fortalecer a confiança e a auto-imagem, promovendo uma maior satisfação pessoal.


Promove o altruísmo

A prática da gratidão estimula o senso de generosidade e a disposição para ajudar os outros. As crianças aprendem a serem gratas pelas contribuições e gentilezas recebidas, o que pode despertar nelas o desejo de retribuir e ajudar aqueles ao seu redor. Isso fortalece o senso de empatia e altruísmo.


Ajuda na saúde mental

Estudos têm mostrado que a gratidão está associada a uma melhoria da saúde mental. Ela pode reduzir sintomas de ansiedade e depressão, promovendo uma maior sensação de felicidade e bem-estar.


Melhor desempenho académico

A prática da gratidão tem sido relacionada com um melhor desempenho académico. As crianças que cultivam a gratidão tendem envolver-se mais nas atividades escolares, demonstrando uma maior motivação para se esforçarem e para aprender.


É importante incentivar as práticas de gratidão nas crianças, seja por meio de expressões verbais de agradecimento, diários de gratidão, cartas ou qualquer outra atividade que as encoraje a refletir e reconhecer as coisas pelas quais são gratas.


Foi com base nestas ideias que criámos o nosso baralho da gratidão. Com ele, queremos trazer esta atitude para o dia a dia das crianças e promover o bem-estar através de um exercício tão simples como, ao deitar, escolher 3 cartas de forma aleatória e falar sobre os temas que elas propõe.


E tu? Já agradeceste hoje?



44 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page